Votorantim Cimentos
Publicado em 05/11/2018Envidraçamento de sacada: regras no seu condomínio
Envidraçamento de sacada oferece mais conforto e pode aumentar a área útil do imóvelCréditos: Shutterstock

Envidraçamento de sacada: regras no seu condomínio

É preciso considerar o dimensionamento da estrutura e também receber uma autorização da Prefeitura

Com o objetivo de ampliar a sala e diminuir questões como: sujeira, vento e barulho; o mercado imobiliário tem observado a tendência do envidraçamento de sacada ou varanda aumentando. Hoje, é comum verificar em apartamentos, principalmente, residenciais, as varandas protegidas pelos vidros.

Porém, antes de realizar esse tipo de instalação, é preciso verificar alguns pontos. A estrutura da edificação suporta a carga de fechamento do vidro? Como será realizada a fixação da estrutura da esquadria? Além dessas identificações, há também que se obter uma autorização municipal. “Não se pode envidraçar as sacadas sem uma autorização da Prefeitura, pois o fechamento da sacada altera a área construída da unidade. O que acontece é que a área da varanda não é incluída no que se convenciona chamar de área útil da unidade e seu peso para o cálculo do IPTU costuma ser menor”, explica a professora Cynthia Barbieri Diezel Munhoz, do curso de Engenharia Civil do Instituto Mauá de Tecnologia.

Além disso, caso um edifício que tenha sido construído há muitos anos quiser envidraçar as suas varandas será preciso quebrar as lajes da varanda, fazendo uma abertura de 20 cm x 20 cm (na parte superior da laje com profundidade de 5 cm), para inspecionar as armaduras existentes e determinar a altura da laje da varanda, de acordo com Eduardo Deghiara, engenheiro civil e professor da Escola de Engenharia da Universidade Presbiteriana Mackenzie. “Após essa inspeção, o calculista verifica se há folga nas armaduras para absorver acréscimo de cargas produzidas pelos vidros”, complementa.

Benefícios do envidraçamento de sacada

  •         Aumento da área útil: um dos objetivos dos moradores desses apartamentos é, por exemplo, aumentar o dimensionamento da sala, que está localizada em frente à varanda. Dessa forma, ao colocar o envidraçamento na sacada, é possível fechá-la e aumentar a área útil do seu imóvel;
  •         Diminuição de ruídos: o fechamento da sacada pode ser realizado com vidros que passaram por tratamento acústico. Ou seja, nesses casos é possível obter um isolamento acústico e se livrar de barulhos oriundos da vizinhança e das ruas;
  •         Diminuição da poluição: outro ponto importante sobre o envidraçamento está na redução de sujeiras e poluição para a varanda ou a sacada. Com o vidro fechado é possível diminuir a entrada desses elementos e evitar o seu acúmulo no ambiente.

Normas referentes:

  •         ABNT NBR 16259:2014 Versão Corrigida:2014 – Sistemas de envidraçamento de sacadas — Requisitos e métodos de ensaio;
  •         ABNT NBR 16259:2014 Errata 1:2014 – Sistemas de envidraçamento de sacadas — Requisitos e métodos de ensaio.

Agora, saiba mais sobre o vidro insulado e entenda como ele pode ser uma solução para o conforto termoacústico: http://www.mapadaobra.com.br/capacitacao/vidro-insulado-solucao-conforto-termoacustico/

 

 

Compartilhe esta matéria

Mais lidas

Veja também

X