Votorantim Cimentos
Mapa da Obra - E-book

Construtoras blindadas: estratégicas para enfrentar a crise no mercado imobiliário

Baixe grátis o infográfico e confira!

Publicado em 11/08/2017Conheça a argamassa colante com alto poder de fixação
Assentamento de peças de grandes formatos em fachadas de prédios pode ser otimizado com a utilização do produto

Conheça a argamassa colante com alto poder de fixação

Argamassa colante de alta performance possui altíssimo desempenho e poder de aderência em concreto e alvenaria, ideal para peças de grandes formatos

O uso da tecnologia e o desenvolvimento de pesquisas para a criação e aprimoramento de produtos têm ganhado espaço na construção civil, que busca soluções mais eficazes e que se traduzem em redução de custos, aumento da produtividade e otimização de tempo. É isso que alguns tipos de argamassa colante oferecem.

Um bom exemplo são as argamassas de alta performance. A Votorantim Cimentos trabalhava com a 211 Argamassa Colante Bicomponente e o 4237 Aditivo Bicomponente, que, juntos, superavam os requisitos de classificação AC III (NBR 14081).

Após pesquisas e testes desenvolvidos em laboratório, a união dos dois produtos resultou na argamassa de alta performance Votomassa Cola Tudo.

“É uma argamassa colante de alta performance, com excelente poder de fixação, flexibilidade e tempo em aberto estendido, ou seja, o tempo em que deixamos os cordões estendidos no substrato”, explica o engenheiro Marcio Matsumoto, gerente de Desenvolvimento Técnico de Mercado da Votorantim Cimentos.

A altíssima propriedade de fixação em concreto e alvenaria, a torna ideal para o assentamento de peças de grandes formatos em fachadas com alturas elevadas.

Aliás, esse é um dos principais diferenciais: com sua utilização acima do 3º pavimento de edificações não é necessário chumbar o revestimento. Matsumoto ressalta que a fórmula da composição da Votomassa Cola Tudo é o segredo para o alto poder de aderência.

 

Aplicações para a argamassa colante de alta performance:

  • Assentamento em áreas internas e externas de revestimentos de grandes formatos e/ou baixa espessura;
  • Pedras naturais, cerâmicas e porcelanatos;
  • Piso vinílico;
  • Pastilhas de porcelana e pastilhas de vidro, em áreas internas e externas, inclusive fachadas;
  • Piscinas e instalações submersas;
  • Sobreposição: revestimento cerâmico/porcelanato sobre revestimento cerâmico antigo.

 

Case: Condomínio Ilha Pura

A Ilha Pura é um bairro planejado na região da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Durante os jogos de 2016, funcionou como Vila Olímpica. Após as competições, foi liberado para receber os moradores. As 31 torres foram concebidas em um terreno de 820 mil m², com potencial para expansão. Abrigam 3,6 mil unidades de 77 m² a 230 m² – com três ou quatro quartos – e ampla área de lazer, com piscinas, academias e parque de 72 mil m².

Desenvolver um bom projeto de revestimento de fachadas era condicionante para o sucesso da obra. O primeiro passo seria identificar os pontos mais críticos da edificação, em consequência de movimentações estruturais e higrotérmicas, e estabelecer os materiais e procedimentos a serem utilizados.

 

Argamassa industrializada e argamassa colante cumprem o desafio

“No caso da Ilha Pura foi especificado o revestimento com placas cerâmicas de diferentes dimensões e classes de absorção em quatro torres, uma situação de elevado grau de responsabilidade técnica, que exigiu uma série de cuidados e recomendações”, explica Marcus Coimbra Israel, gerente de desenvolvimento técnico de Mercado e Argamassa granel da Votorantim Cimentos, empresa fornecedora da obra.

Para atender às exigências e aos desafios de desempenho da argamassa previstos no projeto, e também para aumentar a produtividade e reduzir as perdas, foram utilizadas a argamassa industrializada Matrix Massa de Projeção no emboço da fachada e a argamassa colante Votomassa Cola Tudo no assentamento do porcelanato de dimensões elevadas.

“O resultado foi satisfatório porque a Votorantim Cimentos se preocupou com a qualidade final do empreendimento. Não basta a aplicação correta do produto. O desempenho também é muito importante. E os nossos produtos se encaixaram muito bem como parte do sistema construtivo, contribuindo com a durabilidade e a vida útil das edificações e obedecendo a norma de desempenho NBR 15.575”, ressalta Coimbra.

 

Conscientização

Ainda de acordo com o gerente de desenvolvimento técnico da Votorantim Cimentos, a empresa tem realizado várias ações no sentido de conscientizar a cadeia construtiva quanto à importância do projeto de revestimento de fachadas. Como, por exemplo, os ensaios não destrutivos (NDT), inclusive com o uso de drones para controle e monitoramento dos revestimentos.

“Outra técnica utilizada é a termografia, que permite detectar alguns problemas, como destacamentos, fissuras e umidade, até mesmo em fachadas com alto nível de confiabilidade. Essa ação, combinada com os drones, superou barreiras de acessibilidade, permitindo fiscalizar, com eficiência, edifícios de qualquer altura”, finaliza Marcus Coimbra.

 

 

Compartilhe esta matéria

Novo infográfico

Construtoras revelam
como superar a crise
no mercado imobiliário

Mapa da Obra - E-book