Votorantim Cimentos

Você busca conteúdos exclusivos sobre o mercado da construção civil?

Inscreva-se grátis e receba nossa newsletter.

Publicado em 31/10/2017Instalações antiquedas podem ajudar na prevenção de acidentes
Balaústre é opção para minimizar risco de queda fortuita.

Instalações antiquedas podem ajudar na prevenção de acidentes

Utilização de balaústres e guarda-corpos deve seguir normas técnicas

Boa parte dos acidentes domésticos decorrem da falta de atenção ou da pressa. Nessas horas, o descuido ou o improviso podem ser fatais. Além disso, existem medidas que podem ser facilmente adotadas no ambiente residencial visando a prevenção de acidentes.

 

Barreiras antiqueda

Crianças são as maiores vítimas de acidentes envolvendo quedas de grandes alturas, mas isso não quer dizer que os adultos estejam imunes a esse tipo de ocorrência. A forma mais eficaz de prevenção de acidentes neste caso é a instalação de barreiras antiquedas como balaústres e guarda-corpos.

 

O que são?

Segundo Marlise de Matosinhos, vice-presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Rio de Janeiro (CREA-RJ), o balaústre é uma pequena coluna ou pilar em metal, madeira, pedra, alvenaria ou concreto que, alinhada lado a lado, sustenta corrimãos e guarda-corpos.

Já o guarda-corpo, de acordo com a norma NBR 14.718/2008, da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), é elemento de construção destinado a proteger pessoas contra o risco de queda fortuita, sem, no entanto, impedir sua passagem forçada ou voluntária.

 

Onde instalar?

 

Especificações

“Os guarda-corpos devem ser usados em locais de livre acesso, onde haja um desnível para baixo com mais de um metro de altura entre o piso onde estão as pessoas e o patamar abaixo. Caso haja uma rampa de acesso com ângulo inferior a 30º, o uso do guarda-corpo não é obrigatório”, explica Marlise.

O balaústre é um dos possíveis elementos de um guarda corpo – os dois podem aparecer juntos -, e o espaçamento entre um balaústre e outro não poderá ser superior a 11 cm.

Para a prevenção de acidentes residenciais, é importante seguir as instruções da norma técnica e contratar profissional legalmente habilitado para fazer o projeto e a execução da obra – um engenheiro civil ou arquiteto, ou ainda uma empresa especializada na fabricação e colocação de balaústres.

Confira como realizar uma boa gestão de riscos na construção civil, evitando problemas e melhorando expectativas.Botão Site

 

Compartilhe esta matéria

Quer receber notícias e dicas sobre construção civil?

Inscreva-se grátis e
receba nossa newsletter.

X