Votorantim Cimentos

Você busca conteúdos exclusivos sobre o mercado da construção civil?

Inscreva-se grátis e receba nossa newsletter.

Publicado em 08/07/2019Automação residencial: empreendimentos tecnológicos auxiliam no dia a dia de moradores
A automação residencial ou casa inteligente utiliza equipamentos para concentrar e controlar processos residenciais Créditos: Shutterstock

Automação residencial: empreendimentos tecnológicos auxiliam no dia a dia de moradores

O uso da tecnologia está cada vez presente na vida das pessoas e é cada vez mais comum perceber esses sistemas migrando para residências

O termo domótica que é definido como integração de diversos elementos ou mecanismos automáticos em um único espaço surgiu nos anos 80, na França, juntamente com os primeiro edifícios. O conceito foi inicialmente pensado para o objetivo de controlar a climatização, segurança e iluminação ao interligar vários elementos com uma central de controle. Atualmente, a automatização tem sido muito difundida na construção civil, porém em um contexto mais doméstico, onde se pretende automatizar as tarefas de casa e promover mais conforto aos moradores, concentrando todo o controle em um computador ou smartphone com acesso à Internet onde é possível, também, programar tarefas diárias otimizando o tempo gasto com tarefas rotineiras e maçantes como, por exemplo: regar as plantas do jardim duas vezes por dia por meio do controle remoto. “A automação residencial deve funcionar como uma ferramenta para auxiliar em algumas tarefas e proporcionar conforto e comodidade a seus usuários. Por exemplo, com um projeto de automação o cliente pode, antes mesmo de chegar em sua residência, ligar o ar-condicionado, televisão, controlar a iluminação, e executar várias outras tarefas através de dispositivos móveis conectados à internet”, explica o professor Alexandre Harayashiki Moreira, do curso de Engenharia de Controle e Automação do Instituto Mauá de Tecnologia.

Confira abaixo outras aplicações para a domótica na automação residencial:

  • Som ambiente;
  • Segurança;
  • Iluminação;
  • Climatização.

O uso da tecnologia está cada vez presente na vida das pessoas e é cada vez mais comum perceber esses sistemas migrando para residências. A automação residencial ou casa inteligente utiliza equipamentos para concentrar e controlar processos residenciais e, com isso, é possível, por exemplo, fechar as janelas a distância através de um dispositivo no celular caso haja previsão de chuvas e o morador tenha esquecido as janelas abertas, evitando assim, danos ao ambiente. Outro ponto importante a ser destacado é a preocupação constante com a segurança da residência e esses sistemas automatizados como câmeras, que podem ser acompanhadas a distância ou conectadas à uma central de segurança. “Num primeiro momento pode parecer apenas comodidade de controlar diversos equipamentos e sistemas do imóvel através de um celular ou tablet. Porém, ao sair do imóvel e alguma lâmpada ficar acesa, controlar remotamente a iluminação significa não precisar voltar para apagá-la, trazendo economia de energia e principalmente tempo”, explica o professor. Confira alguns benefícios da automação residencial:

 

  • Conforto;
  • Segurança;
  • Controle;
  • Praticidade;
  • Otimização.

Quer saber mais sobre tecnologia na construção civil? Confira:

https://www.mapadaobra.com.br/negocios/app-construtechs/

 

 

Compartilhe esta matéria

Conheça o novo tipo de carreira na construção: gestor de resíduos

Descubra quais qualificações são exigidas desse profissional

Mapa da Obra - E-book
X