Publicado por Carla Rocha em 05/10/20204 dicas para otimizar os serviços de entrega
Deve-se considerar os custos do serviço terceirizado ou interno antes de tomar a decisão de qual realizar.Créditos: Shutterstock

4 dicas para otimizar os serviços de entrega

Cada tipo de estabelecimento possui particularidades diferentes na hora da expedição

Uma das principais dificuldades enfrentadas pelos lojistas de materiais de construção, principalmente os pequenos, é a parte de logística e entrega, pois o processo é muito amplo e depende de diversos fatores — entre eles, a região onde a loja fica localizada. Essas dificuldades se dão também porque cada tipo de estabelecimento possui particularidades diferentes na hora da expedição.


Outros fatores como frete e valor da entrega também influenciam muito nesse processo. Além disso, o nível de insatisfação de um cliente em uma loja indica também o número de oportunidades de vendas perdidas, isso pode ocorrer pelo fato de não haver produto em estoque, ou até mesmo por não conseguir entregar uma mercadoria dentro do prazo e tudo isso está ligado aos processos logísticos realizados de forma adequada.


Para Douglas Torres, diretor do Depósito Torres e associado ao Sincomavi-SP, é muito importante escolher um veículo adequado para o transporte das cargas como tijolos, cimento, entrou outros produtos que ocupam grande espaço e assim garantir a entrega de maneira eficiente. “É preciso de um pouco de conhecimento do material para distribuir nos veículos conforme sua capacidade de carga”, destaca Torres. Ainda de acordo com ele, realizar uma manutenção preventiva no veículo pode ajudar e muito a evitar possíveis prejuízos. “O profissional deve reconhecer quando o veículo necessita de reparo imediato”, complementa.

 

Serviços de logística e entrega terceirizados

De acordo com a apuração desta reportagem, os valores realizados por empresas de logística e entrega, geralmente, são muito elevados e, infelizmente, não existe ainda um software ou aplicativo que garanta as entregas em um tempo hábil no caso de materiais de construção.


Segundo Torres, em pequenas lojas, todo processo é realizado, na maioria das vezes, por um funcionário da loja em seu veículo próprio, o que também acaba gerando custos com gasolina e também de tempo. Caso não tenha um aplicativo específico, o Google Maps já auxilia bastante na montagem de rota.


Porém, é preciso fazer uma avaliação de viabilidade de custos e quantidade da demanda para se tomar a decisão de ter uma frota interna ou de contratar um serviço interno. Vale ressaltar que a compra de uma frota interna é uma decisão que vai onerar custos significativos de equipamentos que podem sofrer depreciação, como caminhões. Além, é claro, da mão de obra que também precisará ser considerada. No entanto, os principais benefícios de se ter uma frota própria é garantir a rapidez no atendimento ao cliente, a padronização de entrega e também a facilidade em articular a roteirização.

 

Como realizar uma gestão de prazos eficiente 

Uma gestão de prazos executada de forma correta traz melhorias para a loja de materiais de construção de modo geral. Além de evitar prejuízos financeiros, quando prestadores de serviços não cumprem com o estipulado e fornecedores extrapolam os prazos de entregas, o que gera insatisfação dos compradores que necessitam dos produtos para garantir o cumprimento dos cronogramas estipulados para a entrega das obras em que estão trabalhando. Confira abaixo algumas dicas para otimizar os serviços de entrega: 

– Montar um cronograma de entregas e prazos;

– Revisar o cronograma e fazer os ajustes necessários para um novo plano;

– Aperfeiçoar o planejamento e treinamento de equipes de entrega;

– Levantar um histórico de fornecedores a fim de ter uma média de tempo de entrega de cada um.

Alguns fatores também devem ser considerados na hora de realizar uma venda que demanda entrega ao cliente e sempre é bom deixar claro a regra de entrega e o valor do frete explicado pela equipe de vendas. “Tendo uma regra clara com relação a entrega e frete evita interpretações erradas”, ressalta o representante do Sincomavi-SP. Por isso, é fundamental solicitar ao cliente todas as informações necessárias da maneira mais completa possível. 

 

Já ouviu falar sobre a metodologia “Compre e Retire”? Descubra como otimizar suas vendas dessa forma: https://www.mapadaobra.com.br/negocios/compre-e-retire/

 

 

Compartilhe esta matéria

Veja também

X