Votorantim Cimentos
Mapa da Obra - E-book

Você conhece as melhores técnicas para uma gestão de estoque eficiente?

Baixe o e-Book gratuito e descubra.

Publicado em 11/08/2017Vendedor Votorantim: o pilar de um relacionamento sólido

Vendedor Votorantim: o pilar de um relacionamento sólido

Ser um vendedor Votorantim, além da experiência em vendas e atendimento impecável ao cliente, requer competências comerciais, humanas e técnicas

O vendedor Votorantim Cimentos não é um simples agente responsável por fechar pedidos. Seu trabalho é estabelecer relacionamento qualificado com o varejista. Para isso, é necessário ter conhecimento para perceber o que o revendedor pretende melhorar suas vendas, tanto quantidade quanto qualidade, prezando pelo atendimento ao cliente.

“Nossos vendedores para o setor da autoconstrução têm formação bastante heterogênea, eles não precisam ser engenheiros, mas todos têm nível superior completo e ampla experiência para atender os clientes”, explica Luis Fernando de Oliveira Junior, coordenador de marketing – Autoconstrução da Votorantim Cimentos.

Além do talento para vender, são observadores, capazes de estreita interação interpessoal, para saber o que seu cliente — o lojista — precisa em termos de informação e de capacitação. Isso porque a Votorantim Cimentos não entrega apenas os produtos que fornece, mas também um pacote de serviços que incentiva o negócio e apoia os parceiros.

“São programas por capacitação, kits de treinamento para balconistas, divulgação de produtos, entre outras ações para o consumidor final e para os profissionais de obra; além do programa de relacionamento Juntos Somos +”, diz o coordenador.

Os vendedores da Votorantim têm o mesmo processo em todo o Brasil, pois a eficiência do vendedor passa pelo melhor aproveitamento do tempo para que ele possa focar nas vendas de um portfólio completo, com ferramentas de vendas on-line e o Juntos Somos +.

Diferenciais de um vendedor Votorantim

Um vendedor Votorantim também é um vetor do dia-a-dia do varejista, não só sobre o funcionamento da revenda, mas também sobre a situação econômica.

Suas opiniões são fundadas na experiência em vendas, visitando vários lojistas de uma mesma região do país. Ele conhece a situação de mercado e, com isso, fomenta o seu negócio. E não é só: se necessário, atua como consultor técnico.

Quando tem os conhecimentos necessários, mostra se o traço que está sendo adotado pelo profissional de obra, cliente da loja, é o ideal. Ou se o tipo de cimento ou argamassa comprados representa o melhor custo-benefício.

Se o revendedor Votorantim sentir que precisa oferecer a seu cliente palestras para esclarecer dúvidas sobre nossos produtos e seu melhor uso, ele terá todo o apoio do setor de Desenvolvimento Técnico de Mercado. Eles explicam, por exemplo, as diferenças entre a argamassa virada em canteiro e a argamassa industrializada.

E como a ideia é pulverizar a presença dos produtos Votorantim Cimentos em todos os cantos do país, além dos vendedores externos, que focam seus esforços nas empresas, a VC conta com uma Central de Relacionamento com o Cliente (CRC), que capta pedidos e disponibiliza pacotes de serviços. “Esses vendedores acompanham o cliente por telefone, inclusive no pós-venda”, finaliza Luis.

Claro que no dia-a-dia podem ocorrer diversos desafios nos vínculos entre os varejistas e os vendedores. Explicamos aqui um pouco de como solucionamos isso, mantendo sempre o bom relacionamento entre ambos.

 

Se pelo lado do Vendedor Votorantim é essencial obter um grande conhecimento dos produtos, para o varejista ser um bom profissional, ele deve manter bom relacionamento com seus vendedores e outros funcionários que fazem parte do negócio.

 

Compartilhe esta matéria

Novo e-Book

Gestão de estoque:
conheça técnicas para
ser eficiente

Mapa da Obra - E-book
X