Publicado por Carla Rocha em 12/06/2020Conheça as estratégias para a loja não parar na quarentena
É importante conhecer as redes sociais e aprender como utilizá-las da melhor maneira possível para atrair consumidores e aumentar as vendas.Créditos: Shutterstock

Conheça as estratégias para a loja não parar na quarentena

É importante entender de que forma a empresa quer se posicionar perante o mercado

Desde março deste ano, o lojista de materiais de construção vive uma fase de extrema incerteza por conta da Covid-19. Após um grande esforço das entidades, ficou definido por decreto que as lojas poderiam permanecer abertas por se tratarem de serviços essenciais, sendo um grande avanço para a classe. Porém, mesmo assim, em algumas cidades o varejo de materiais de construção não é considerado um serviço essencial, obrigando o lojista a pensar em soluções tecnológicas.  

Alexandre Suguiura, associado ao Sincomavi-SP e diretor do Depósito de Materiais para Construção Irmãos Suguiura Ltda, localizado em São Paulo, por exemplo, conta que a loja está em funcionamento, mas que ficaram fechados durante 10 dias (de 20 à 29/03/2020). Depois do período, conseguiu reabrir com a autorização das autoridades. “Reabrimos com os devidos cuidados para a nossa equipe e visitantes nos nossos estabelecimentos”, relembra. Além disso, ele conta como foi fundamental trabalhar novas estratégias de mercado para atingir os clientes nesse período. “Nossa estratégia foi trabalhar melhor o telefone/WhatsApp/site, a fim de gerar comodidade para nossos clientes”, destaca.

Confira abaixo algumas estratégias para colocar em prática durante e depois da quarentena:

– Adequação na rotina de trabalho e funcionamento da loja considerando o período de pandemia e as novas necessidades;

– Oferecer gratuitamente material de higienização tanto do público quanto funcionários como uma medida essencial;

– Manutenção das contas e do relacionamento com fornecedores;

Estreitamento do relacionamento com o público consumidor;

Organização de pendências, do estoque e também do caixa;

Atualização e capacitação com relação aos meios digitais e redes sociais;

– Colocar avisos e prestar orientações com relação ao contágio e prevenção da Covid-19.

 

Outra dica muito importante para não parar a loja na quarentena e se preparar para aplicar as vendas no e-commerce é ficar sempre atento às tendências de mercado e buscar sempre se atualizar com dicas, informações sobre os produtos vendidos na loja e conteúdos relevantes para o setor da construção civil. Além disso, conhecer as principais redes sociais em alta e aprender como utilizá-las da melhor maneira possível para atrair consumidores e aumentar as vendas na loja, é fundamental para um bom desempenho dos vendedores.

Lições da pandemia: como fazer a diferença

Uma das lições mais importantes que os empresários e pequenos lojistas de material de construção estão aprendendo durante essa quarentena é a necessidade de estreitar os laços com o público da loja, seja através das redes sociais, de ferramentas como o WhatsApp, ou de um contato mais próximo por telefone. É muito importante ter em mente que pequenas ações podem  fazer a diferença em meio a esse momento de incertezas vivenciado no mundo inteiro.

Além disso, outra lição a se tirar de toda essa situação de crise é que é muito importante entender de que forma a sua empresa quer se posicionar perante o  mercado.  Recentemente, a Votorantim Cimentos lançou o VC Ajuda, um portal voltado para divulgação de informações e estratégias para que o lojista possa implementar em sua loja de maneira simples e obter bons resultados durante a quarentena e depois que ela passar. Acesse e confira: https://vcajuda.com.br/ .

Veja também algumas dicas para organizar o estoque da loja e aproveitar ao máximo cada m² entendendo o valor de cada espaço:

https://www.mapadaobra.com.br/gestao/gerenciar-estoque/

 

 

Compartilhe esta matéria

Veja também

X