Publicado em 03/09/2013Concreto pré-fabricado agiliza construção de túnel em SP
Créditos: Foto: Odebrecht/Divulgação

Concreto pré-fabricado agiliza construção de túnel em SP

Sistema de concreto pré-moldado permite construção de túnel no intervalo de dois meses

Com a utilização de peças feitas de concreto pré-fabricado, o prazo de conclusão do túnel de 36 m de comprimento no trevo do Caxambu, rodovia Engenheiro Constâncio Cintra que liga Jundiaí a Itatiba (interior de São Paulo), foi reduzido de 230 para 60 dias. Composto por 49 peças de vinte toneladas cada, o túnel de 13 m de largura e 9 m de altura foi construído com tecnologia europeia trazida ao Brasil pela construtora Norberto Odebrecht.

A racionalização e o controle tecnológico da produção das peças, que segue recomendações de normas técnicas, são apontados pela empresa como outras vantagens do sistema, pois padronizam a qualidade, sem contar o incremento da produtividade e a eliminação do desperdício de materiais e riscos de falhas técnicas – características próprias de qualquer sistema pré-fabricado.

Fabricadas pela Pavi do Brasil, em Taubaté (interior paulista), as peças foram produzidas a partir de diferentes dimensões indicadas em projeto. O pré-moldado tem encaixe macho-fêmea, sendo 25 peças do tipo “Y”, e 24 “X”. Juntas, “X” e “Y” formam um arco, e são içadas por guindaste. Após a montagem dos arcos é necessária uma pós-tensão de consolidação, aplicada com cabos que se distribuem ao longo da seção do túnel, em toda a sua extensão. Além disso, o túnel é complementado com quatro alas e dois tímpanos de fechamento, também de estruturas pré-moldadas.

De acordo com Mario Cecchi, gerente de engenharia da Odebrecht, os cuidados com transporte e armazenamento, importantes para o sucesso da solução, exigem apoio permanente das peças sobre caixas de madeira maciça, para evitar a concentração de tensões e esforços não previstos sobre a base.

Uso de caminhão de concreto como fornecedor de materiais deve ser planejado

Botão Site

  • Utilizando peças de concreto pré-moldada, foi construído o túnel que liga Jundiaí a Itatiba, interior de SP - Foto: Odebrecht/Divulgação
  • O prazo de conclusão do túnel de 36 m de comprimento foi reduzido de 230 dias para 60 dias - Foto: Odebrecht/Divulgação
  • O túnel possui 13 m de largura e 9 m de altura - Foto: Odebrecht/Divulgação
  • A tecnologia de origem européia foi trazida ao Brasil pela construtora Norberto Odebrecht - Foto: Odebrecht/Divulgação
  • Os pré-moldados têm encaixe macho-fêmea, sendo 25 peças do tipo “Y”, e 24 “X”, formando um arco - Foto: Odebrecht/Divulgação
  • O uso de uma solução de engenharia europeia possibilitou a conclusão da obra em tempo duas vezes menor do que leva a construção de um túnel convencional - Foto: Odebrecht/Divulgação
  • O túnel servirá de passagem inferior na ligação entre as rodovias Engenheiro Constâncio Cintra e João Cereser - Foto: Odebrecht/Divulgação
Compartilhe esta matéria

Veja também

X