Votorantim Cimentos
Publicado em 22/11/2018Tipos de alicate: diferenças e utilidades
Variedade de alicates é fundamental para o trabalho da construção civilCréditos: Shutterstock

Tipos de alicate: diferenças e utilidades

Variedade de alicates é fundamental para o trabalho da construção civil

Como um dos instrumentos mais antigos, o alicate é, basicamente, utilizado para  potencializar a força do usuário a fim de realizar determinada ação com mais eficiência e em um período bem menor. Mas você conhece os diferentes tipos de alicate?

“Os alicates são ferramentas que auxiliam em atividades minuciosas em obras, como na construção, manutenção e reparos, mas cada tipo tem uma função, permitindo um trabalho mais efetivo. Geralmente os mais utilizados são o alicate universal, e os de corte, de eletricista, pressão, bico de papagaio e o alicate desencapador”, explica Antonio Gonçalves de Mello, coordenador do curso de Engenharia Mecânica da Universidade Presbiteriana Mackenzie.

Segundo a Professora Elizabeth Montefusco, do curso de Engenharia Civil do Instituto Mauá de Tecnologia: “O importante é que a ferramenta seja aplicada da forma mais adequada e segura possível, conforme a necessidade para a qualidade e adequada produtividade do serviço”. Conheça os tipos de alicate mais comuns utilizados, suas diferenças e utilidades.

Tipos de alicate – qual o ideal para cada aplicação?

  • Alicate Universal: para diversas operações na construção civil e reparos, como puxar, prender, enrolar, deformar, cortar;
  • Alicate de Pressão Mordente Triangular: prende e não solta a peça, auxiliando na fixação de peças que serão cortadas, lixadas, soldadas, usadas na construção civil e reparos;
  • Alicate Bico Meia Cana: serviços elétricos e telefonia, por ter bico longo. A mandíbula apresenta espaço para cortes de arames e serrilhado para pegar objetos mantendo-os firmes para reparos;
  • Alicate para Canos: para instalações hidráulicas e montagem de tubos e conexões de roscas;
  • Alicate corta vergalhão: para cortar pinos e barras de aço;
  • Alicate corte diagonal: para cortes de arames duros;
  • Alicate Torquês Armador: para confecção de armações para construção;
  • Alicate Torquês Carpinteiro: para extrair e cortar arames e pregos;
  • Alicate Torquês Rotativo: alicate giratório para amarrar;
  • Alicate bomba d’água: para encanador e serviços de mecânica, possui regulagem de abertura, sendo versátil;
  • Alicate de Eletricista: precisão no corte em cabos e fios, impedindo que se perca comprimento do cabo ou fio. Orifícios possibilitam o encaixe do fio para desencapá-los, sem deixar rebarbas;
  • Alicate Desencapador: permite regular o tamanho do cabo, expondo os fios da parte interna, sem danificá-los. Útil para instalações elétricas de chuveiros e redes de internet;
  • Alicate fazendeiro: para montar, desmontar, fazer manutenção em cercas de arame, pregar, arrancar grampos, torcer, cortar e puxar arames;
  • Alicate de Compressão Hidráulico: aplicação de conectores de compressão em redes e equipamentos;
  • Alicate de Corte: para cortar fios de ligas metálicas como alumínio, aço, cobre;
  • Alicate Bico de Papagaio: para consertar torneiras e encanamentos, sem danificar as peças. Auxilia no aperto de porcas e serviços hidráulicos.
  • Alicate Crimpador: segurar e pressionar superfícies, crimpar terminais e desapertar porcas e parafusos.

Ele é um utensílio indispensável e extremamente útil em qualquer caixa de ferramentas e acaba por se transformar no melhor companheiro na hora de construir, reformar ou realizar pequenos reparos. Existem diversos tipos de alicate, um para cada função diferente, conforme visto acima. O importante é escolher a opção ideal para realizar o projeto de construção de maneira eficaz lembrando-se sempre de utilizar os equipamentos de segurança necessários para tal finalidade.

Quer oferecer produtos que atendam a diferentes públicos e aumentar o seu fluxo de vendas? Acesse e confira: 

Botão Site

 

 

Compartilhe esta matéria

Mais lidas

Veja também

X