Votorantim Cimentos
Publicado em 15/12/2017Parede de bloco de vidro: conheça os diferentes tipos
Uma parede com blocos de vidro não deve ultrapassar 15 m² de área contínua.Créditos: Shutterstock

Parede de bloco de vidro: conheça os diferentes tipos

Este tipo de solução, além de servir como estrutura para a casa, oferece efeito decorativo a diversos ambientes

Conhecidos também como tijolos de vidro, os blocos de vidro oferecem funcionalidade e beleza aos projetos de arquitetura. Embora sejam elementos da construção civil e sirvam como estrutura para uma casa, também criam uma atmosfera decorativa ao ambiente. Com a função de dividir ou fechar espaços, eles formam uma parede translúcida –  a chamada “parede de bloco de vidro“.

Essas paredes valorizam ainda mais a iluminação. Versáteis, a solução está presente em áreas internas ou externas de residências, comércio, escritórios, clínicas, entre outros diferentes locais.

Os blocos de vidro são elaborados a partir de procedimentos que atendem à norma da ABNT NBR14899-1 de 09/2002, onde todas as especificações precisam ser seguidas. É interessante saber que a área contínua máxima de uma parede com blocos de vidro não deve ultrapassar os 15 m². A altura máxima deve ser de 6 m e o comprimento máximo de 7,5 m.

Parede de bloco de vidro: tipos e modelos dos materiais

 O bloco fechado e transparente é um dos mais convencionais e utilizados quando a ideia é criar uma parede ou um balcão, porém, é possível encontrar em outras versões e cores.

 – Tradicional fixo

 Este tipo de bloco é todo fechado e proporciona uma parede com boa vedação. Sua aparência tem a forma de um bloco convencional, porém, de vidro. Seu acabamento pode variar entre o liso, canelado, ondulado, entre outros efeitos que podem ser escolhidos de acordo com o gosto pessoal.

 – Vazado com ventilação

Esse modelo de bloco é ideal para ambientes sem janelas que precisam de ventilação e iluminação. Neste caso, eles exibem vidros inclinados com boa abertura, permitindo a entrada de ar. A única atenção é verificar o local onde será instalado, pois é possível a entrada de água caso ocorram fortes chuvas com vento.

 – Colorido

Com o mesmo formato do tradicional, esses blocos podem aparecer em diferentes cores. É ideal para quem quer levar estilo e personalidade ao ambiente, pois possibilita o uso em conjunto com o transparente ou então uma composição com um mix de cores. A única ressalva é que por serem coloridos, captam menos luz natural.

  

Instalação correta

 Os blocos de vidro são mais caros do que os comuns e pedem uma instalação mais cuidadosa. Um único bloco mal encaixado ou alinhado de forma errada pode prejudicar todo o projeto.

O sucesso da aplicação está diretamente relacionado ao prumo e ao alinhamento dos blocos, uma vez que a parede não pode ter defeitos quanto à sua uniformidade. Recomenda-se o uso de espaçadores plásticos para manter o distanciamento correto entre as peças e, em alguns casos, o uso de barras de ferro para estruturar o conjunto.

Antes e após o assentamento da primeira fiada, é fundamental verificar o nivelamento vertical e horizontal, a fim de evitar que a parede de bloco de vidro saia toda de esquadro

A youtuber Paloma Cipriano revela como fazer um balcão ou parede de bloco de vidro e mostra o passo a passo da aplicação utilizando a Votomassa correta. Veja aqui.

 

Argamassa especial

Deve-se aplicar uma camada de argamassa nas juntas da base e, depois, nas laterais de cada bloco de vidro. O processo se repete nas demais fileiras.

argamassa ideal para aplicação dos blocos de vidro é a colante e deve ter alta aderência e características que resistam ao peso das peças, além de obedecer às normas de assentamento e vedação de paredes.

A Votorantim Cimentos tem a argamassa correta para esse tipo de solução, a Votomassa Bloco de Vidro reúne as propriedades técnicas necessárias e tem em sua formulação aditivos hidrofugantes e acabamento superior.

 

Manutenção

A limpeza dos blocos requer apenas pano úmido, suficiente para garantir o perfeito estado das peças de vidro. Já para manter o painel conservado por mais tempo, pode-se utilizar um limpador de cerâmicas para retirar o acúmulo de sujeira dos rejuntes. Produtos ácidos devem ser evitados.

Se for optar pela simples e tradicional pintura, confira as dicas do Mapa da Obra para fazer da melhor forma

Botão Site

 

Compartilhe esta matéria

Mais lidas

Veja também

X