Votorantim Cimentos
Mapa da Obra - E-book

Baixe o e-book e confira o portfólio da Votorantim Cimentos

Conheça os materiais!

Publicado por Carla Rocha em 07/05/2020Passo a passo: como aplicar argamassa na parede
Durante a aplicação da argamassa na parede existem alguns passos que precisam ser observadosCréditos: Shutterstock

Passo a passo: como aplicar argamassa na parede

Tipo de argamassa é indicada para revestimentos interno e externo como camada de regularização

O cuidado antes de aplicar a argamassa na parede, faz toda a diferença. Afinal, existem vários tipos de argamassa, tais como aquelas indicadas para vedação ou alvenaria, bem como para encunhamento, ou seja, argamassa para complementação da alvenaria e que é indicada para fechamento, após a última fiada de tijolos. Outro tipo de argamassa é aquela indicada para revestimentos tanto interno quanto externo como camada de regularização, seja ela emboço ou camada única. 

De acordo com professora doutora Heloísa Cristina Fernandes Cordon, do curso de Engenharia Civil do Instituto Mauá de Tecnologia, com relação à manutenção do substrato, é importante destacar que “é fundamental que sejam realizadas vistorias constantes e o revestimento deve ser inspecionado para a verificação do aparecimento de fissuras”. Já para Lucas Harb, gerente de Desenvolvimento Técnico da Votorantim Cimentos em entrevista recente ao Mapa da Obra, um dos problemas mais comuns quando a aplicação da argamassa não é realizada da maneira correta é o desplacamento do revestimento, acarretando em retrabalho, maior tempo de obra e maior custo.

 

Confira abaixo os equipamentos e passo a passo para executar corretamente:

 

Durante a aplicação da argamassa na parede existem alguns passos que precisam ser observados como, por exemplo, forrar o local com um plástico ou jornais, dosar a quantidade de água para a massa da maneira indicada pelo fabricante e colocar o material seco sobre o líquido de maneira contínua registrando a hora de adição.

Preparo da mistura:

a proporção deve ser realizada de acordo com as indicações de cada fabricante e deve ser a mesma para aplicação em canteiro de obra. A mistura da argamassa com a água deve ser realizada pesando a quantidade de massa de 2,5kg medindo o volume ou pesando a massa de água de assentamento de acordo com o indicado pelo fabricante com aproximação de 1,0g ou 1mL e, então, verter a água no fundo do recipiente de mistura.

Equipamentos:

  • Misturador mecânico (NBR 7215);
  • Espátula metálica;
  • Balança para medir;
  • Cronômetro com precisão de 0,5s.

 

Para o diretor de engenharia da Swell Construções, um detalhe que faz toda a diferença é um projeto bem executado e também a qualidade do produto que será utilizado na edificação, seja um prédio novo ou uma reforma residencial, para se garantir que essa argamassa tem qualidade o suficiente: “É importante também monitorar e ter o controle para garantir que não tem nada fugindo do projeto”, destaca. As argamassas que são destinadas para o assentamento ou revestimento de paredes e tetos possuem alguns requisitos pré-determinados na norma em questão e são classificadas de acordo com métodos de ensaios especificados nas tabelas 1 a 7 da norma NBR 13281.

Outro  ponto também determinado pela norma é que a argamassa deve ser fornecida em sacos, a granel ou em contêiner, desde que atendam  todas as condições de armazenagem definidas pela norma em local seco e protegido de intempéries e da umidade a fim de evitar problemas futuros.

 

 

 

Confira também no Papo Construtivo: Patologias em revestimentos de fachadas.

 

 

Compartilhe esta matéria

Descubra que materiais você pode ter na sua loja

Obtenha o portfólio da Votorantim Cimentos!

Mapa da Obra - E-book
X