Votorantim Cimentos
Publicado em 08/03/2013Impermeabilização eficiente

Impermeabilização eficiente

Saiba como evitar infiltrações e formação de mofo nas partes estruturais da obra

Vazamentos, infiltrações, formação de mofo e ainda o comprometimento da estrutura do imóvel são algumas das consequências da falta de uma impermeabilização eficiente. Para evitar problemas, a única saída está em seguir um projeto que garanta a impermeabilização de todas as partes estruturais que mantenham contato com a água e a umidade como:
-Lajes, terraços e sacadas;
-Banheiros;
-Áreas de serviço;
-Piscinas e saunas;
-Caixas d’água;
-Poços de elevador;
-Paredes e pisos em contato com o solo.
Confira alguns cuidados que devem ser praticados na fase de impermeabilização:
-Geralmente, no caso das casas, a umidade dos rodapés começa na parte inferior das paredes. Por isso, é importante a impermeabilização de todas as estruturas e superfícies que tenham contato com o solo.
– Atenção com a impermeabilização de telhados e lajes. Falhas na cobertura da casa são as principais responsáveis pelas infiltrações, no teto ou na parte superior da parede, causadas pela água da chuva.
-O rejunte deve ser bem feito para evitar infiltrações entre as peças de revestimentos ou em entre a parede e o piso.

Compartilhe esta matéria

Mais lidas

Veja também