Votorantim Cimentos
Mapa da Obra - E-book

Gestão de BIM nas obras

Confira como uma das mais recentes tecnologias pode tornar seus processos de custos e materiais mais eficientes

Publicado em 12/03/2018Estudo de viabilidade econômica de obras civis é essencial para a saúde financeira da sua construção
Antes de iniciar sua obra, faça o estudo de viabilidade econômica para evitar prejuízosCréditos: Shutterstock

Estudo de viabilidade econômica de obras civis é essencial para a saúde financeira da sua construção

Verificar todos os custos e monitorá-los durante a construção garante qualidade financeira da obra

Saber se é a hora de tirar dos planos e começar a execução daquele empreendimento idealizado não é tarefa fácil. O primeiro passo, no entanto, para fugir dos erros, é realizar um estudo de viabilidade econômica para garantir que aquela obra não dará prejuízo para a sua incorporadora ou construtora.

“Os prejuízos de não ter um estudo de viabilidade ou de não segui-lo são altos. Os riscos podem incluir não concluir a obra, um aumento de custos, atrasar o pagamento dos empreiteiros, prejuízos para os destinatários dos empreendimentos, para os acionistas que estão arriscando seu capital em um empreendimento e aguardam receber o seu valor como uma remuneração, desdobramentos em ações judiciais, consumo de uma energia produtiva para administrar os problemas, entre outros”, ressalta Rodrigo Gomes de Abreu, diretor da VistaCorp Empreendimentos Imobiliários.

Por isso, trabalhar esse estudo de viabilidade econômica em detalhes só trará benefícios ao incorporador. Nessa primeira etapa é preciso considerar todos os custos que o empreendimento deve onerar.

O estudo de viabilidade econômica e financeira do empreendimento mede tanto o resultado econômico da construção, que é o valor do lucro final da obra, como também aponta de que forma o investimento financeiro deve se comportar no tempo do projeto. É preciso considerar fatores como: necessidade de capital, necessidade de investimento, custo de aquisição do terreno, custos dos materiais, custo da mão de obra, remuneração da construtora que realizará a gestão dentro da obra e também o impacto da inflação que flutua durante o tempo nos preços dos materiais. Após reunir todas essas informações e estruturá-las em uma linha do tempo dentro da obra, é possível calcular a sua viabilidade.

 

Execução do estudo de viabilidade

Tão importante quanto elaborar esse estudo é executá-lo. “Como nós buscamos sempre uma disciplina operacional para seguir o plano, a incorporadora tem que requerer a mesma disciplina dos engenheiros, da construtora que está fazendo a obra e dos seus empreiteiros”, aconselha Abreu. A ideia é que qualquer imprevisto seja descoberto pelos engenheiros antes que ocorra e haja margem para correção sem que afete o orçamento. Portanto, para o estudo de viabilidade funcionar, ele deve estar alinhado com o cronograma da obra – atrasá-la ou adiantá-la acarretará mudanças no seu escopo.

Outro ponto importante durante a execução é manter uma equipe entrosada e que se comunique com frequência. Quando todos sabem em que ponto está a obra fica mais fácil para escapar dos imprevistos. A comunicação horizontal entre diretoria e equipe de obras auxilia nesse momento.

 

Check List:

– Levante os valores de todos os itens do estudo de viabilidade econômica antes de iniciar o projeto;

– Após checada a viabilidade e iniciado o projeto, acompanhe o cronograma de obras;

– Tenha contato direto com a equipe de compras para ter o alinhamento dos custos de materiais – impactados pela inflação – em dia;

– Mantenha uma comunicação horizontal para que não ocorra imprevistos;

– Verifique a necessidade de materiais com antecedência, porém, realize as compras dentro do tempo necessário para não estocar materiais a mais e, possivelmente, perdê-los;

– Compre produtos que garantam um bom rendimento e qualidade para a sua obra;

– Não comece um projeto sem ter em mãos a segurança que o estudo de viabilidade econômica proporciona;

 

Conheça o Sistema Matrix para preparo, transporte e aplicação de argamassa em grandes obras. Ganhe tempo e melhore a produtividade no canteiro!

Botão Site

 

Compartilhe esta matéria

Gerenciamento de BIM em todos os tipos de obras

Baixe o e-book grátis e descubra como implementar esse processo tecnológico na sua construtora!

Mapa da Obra - E-book
X