Cadastre-se para receber novidades

10 de março de 2013

O revestimento usado na borda de piscina deve ser atérmico

Borda de piscina

Materiais atérmicos como as pedras claras refletem o calor

Na construção de piscinas, geralmente o último item a ser pensado, apesar de muito importante, é o revestimento a ser usado nas bordas. Dentre os aspectos que devem ser considerados na definição do acabamento, é preciso cautela na escolha do material, principalmente em relação à capacidade térmica. Exposto ao sol constante, o material deve ser atérmico, isto é, não pode esquentar muito. Também não deve ser escorregadio, já que as bordas estarão geralmente molhadas.

Confira algumas sugestões de materiais indicados para as bordas de piscinas:

Pedras

As pedras tradicionalmente utilizadas são a mineira e a São Thomé, ambas com ótimas propriedades térmicas e antiderrapantes. Apenas um pouco mais esverdeada e lisa que a mineira, a pedra Goiás também é bastante utilizada nas bordas de piscinas. Ainda existem outras possibilidades como o mármore e os granitos. Ao optar pela pedra, além da questão térmica e propriedade antiderrapante, é preciso ficar atento à porosidade do material. Agregados Chamados de “agregados de pedras”, esses pisos podem ser atérmicos e muitas vezes são altamente drenantes (em até 95%), o que faz com que toda a água que caia sobre eles passe diretamente para o solo, ou seja, eles têm efeito permeável durante as chuvas.

Decks

Os decks de madeira são elementos tradicionais nas piscinas. Uma opção é utilizar um deck suspenso sobre a água, em balanço. Porém, é importante que o deck esteja razoavelmente acima d’água, para evitar que a madeira apodreça com o passar do tempo. Dentre as madeiras adequadas estão o cumaru e o ipê, por exemplo. Ainda há os decks industrializados, que são de fácil aplicação.

Cerâmicas e porcelanatos

Existem materiais específicos para piscinas, que são antiderrapantes, não desbotam no sol e são resistentes a manchas. O material também deve ser muito resistente, para que as peças não quebrem com o passar do tempo.


Tudo de Consumidor

Leia mais

Casa 701, em Tóquio, no Japão

Casa 701, Tóquio

Arquitetura transforma em luz o que poderia ser sombrio, só com o uso de derivados do cimento

Espaçadores são indicados para assentar porcelanatos grandes e retificados

Com ou sem junta?

Cerâmicas comuns deixam rejunte à mostra; as retificadas, não. Entenda a diferença

Aprenda como fazer cimento queimado em apenas dez passos

Apenas dez passos!

Veja como fazer, passo a passo, o cimento queimado, e tenha um piso novo, com cara de antigo

Ver mais