Votorantim Cimentos
Publicado em 04/11/2014Curso de esquadrias

Curso de esquadrias

Escola sobre rodas ensina fabricação de esquadrias de alumínio pelo Estado de SP

Se você está em Iacanga, Franca, Santo André, Mauá ou Santos – no Estado de São Paulo – poderá ver passar por sua cidade a Unidade Móvel de Treinamento AFEAL/SENAI, uma parceria entre a Associação dos Fabricantes de Esquadrias de Alumínio com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial, da qual a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP) também participa.
Se encontrar a Unidade, aproveite a oportunidade: essa escola sobre rodas vai qualificar mão de obra em regiões carentes de cursos técnicos de ensino profissional, ensinando gratuitamente fabricação e instalação de esquadrias.
Com capacidade para receber turmas de até 12 alunos, o curso é similar ao treinamento de serralheria em esquadrias de alumínio ministrado pelo SENAI, em parceria com a AFEAL. O foco é na prática de fabricação, mas aulas de Autocad (software para fazer desenhos técnicos) e módulos sobre fachadas integram o programa.
A duração total prevista de cada curso é de 160 horas, mas há treinamentos complementares que terão carga horária definida de acordo com o programa do SENAI. Essa instituição também emitirá certificados para os participantes que concluírem os cursos.
Junto da carreta viajará um professor itinerante, escolhido por processo seletivo e que deve ministrar os treinamentos. Alguns dos materiais usados para equipar a carreta foram doados por empresas como Sapa e Alumicentro. O roteiro do veículo será traçado a partir dos resultados de uma pesquisa que vai identificar cidades paulistas com maior demanda por mão de obra especializada em esquadrias.
Segundo Luis Claudio Viesti, coordenador técnico da AFEAL, há dois perfis de programação da carreta: “Um deles atende à demanda da cidade visitada, mediante a solicitação de empresas locais. Com isso a Unidade Móvel instala-se numa área pública, praça ou pátio da prefeitura”, conta.
Os horários dos cursos também serão determinados em cada cidade, a depender da programação de ensino. Poderão ser noturnos ou diurnos, com grade de 4 horas-aula por dia, e número de turmas variando de acordo com a demanda de alunos.
“Outro formato possível é atender empresas diretamente, in company, quando a Unidade é chamada para se instalar em suas dependências. Neste caso, horários e cursos são adaptados à demanda da empresa”, explica.
Conceito sobre rodas
“É um novo marco no segmento de esquadrias e fachadas de alumínio. Uma conquista de muito trabalho”. Defende o presidente da AFEAL, Lucínio Abrantes dos Santos. O novo conceito pretende ser um jeito atual e inteligente de ensinar a fabricar esquadrias.
“Esperamos que seja um fator multiplicador da mão de obra qualificada e que colabore ainda mais com a qualidade e competitividade de nossos produtos.”
A Unidade Móvel de Treinamento tem 15 m de comprimento por 2,6 m de largura. A extensão que abriga as salas de aula ocupa 8 m x 2,17 m. A carreta tem uma altura útil na área da oficina de 2,9 m.

  • Unidade Móvel de Treinamento AFEAL/SENAI vai qualificar mão de obra em regiões carentes de escolas técnicas no Estado de SP, com foco em fabricação de esquadrias. A carreta tem 15 m de comprimento por 2,6 m de largura. A extensão que abriga as salas de aula ocupa 8 m x 2,17 m. A carreta tem uma altura útil na área da oficina de 2,9 m – Foto: divulgação
  • Unidade Móvel de Treinamento AFEAL/SENAI vai qualificar mão de obra em regiões carentes de escolas técnicas no Estado de SP, com foco em fabricação de esquadrias. A carreta tem 15 m de comprimento por 2,6 m de largura. A extensão que abriga as salas de aula ocupa 8 m x 2,17 m. A carreta tem uma altura útil na área da oficina de 2,9 m – Foto: divulgação
  • Unidade Móvel de Treinamento AFEAL/SENAI vai qualificar mão de obra em regiões carentes de escolas técnicas no Estado de SP, com foco em fabricação de esquadrias. A carreta tem 15 m de comprimento por 2,6 m de largura. A extensão que abriga as salas de aula ocupa 8 m x 2,17 m. A carreta tem uma altura útil na área da oficina de 2,9 m – Foto: divulgação
  • Unidade Móvel de Treinamento AFEAL/SENAI vai qualificar mão de obra em regiões carentes de escolas técnicas no Estado de SP, com foco em fabricação de esquadrias. A carreta tem 15 m de comprimento por 2,6 m de largura. A extensão que abriga as salas de aula ocupa 8 m x 2,17 m. A carreta tem uma altura útil na área da oficina de 2,9 m – Foto: divulgação
Compartilhe esta matéria

Mais lidas

Veja também